Coordenadoria de Indústria, Comércio e Emprego orienta a população sobre como se preparar para o mercado de trabalho

0
169

O Sebrae é uma realidade e, dentro de mais alguns dias, uma unidade estará instalada em Fartura, garante o vice-prefeito Pedro Langeli. “Isto nos dará oportunidades de realizarmos vários cursos, de acordo com a demanda do mercado”, enfatiza

A pandemia do coronavírus foi responsável pelo aumento no índice de desemprego em todo país, devido ao baixo desempenho do comércio e da indústria. Fartura ainda sofre com essa situação, mas a Coordenadoria de Indústria, Comércio e Emprego está desenvolvendo ações para reverter a situação.

Os profissionais do setor estão orientando os farturenses que procuram por trabalho a respeito das exigências dos contratantes, que passaram a dar preferência a profissionais mais capacitados.

De acordo com o vice-prefeito e coordenador da Pasta, Pedro Langeli, com o advento da retomada das contratações, o mercado de trabalho passou a ser mais seletivo. Para ele, as oportunidades passaram a pertencer aos profissionais com especialização e as ofertas de trabalho para aqueles que fazem “qualquer coisa” foram trocadas pelos técnicos, pelos que têm capacitação, por especialistas e por quem exerce funções específicas e de maneira bem-feita.

Pedro diz que o mercado se acostumou com este tipo de trabalhador e, agora, quando os empreendedores de Fartura buscam novos colaboradores, optam por profissionais especializados. “Temos informações de comerciantes de nossa cidade que, diariamente, recebem currículos. Aqui no Posto de Atendimento ao Trabalhador e Empreendedor (PATE) também ocorrem entregas diárias e poucos são os que têm descrito a profissão ou quis são as suas habilidades e/ou especialidades”, explica Langeli.

Ele informa que há jovens, homens e mulheres, entregando currículos e que é essencial que estas pessoas citem a profissão ou a aptidão para conseguir um trabalho. O coordenador diz que no momento de um curso de aperfeiçoamento, estas pessoas serão chamadas para que melhorem suas qualidades profissionais e, com isto, aumentem suas oportunidades de conquistar um trabalho.

“Ainda que principiante, todos têm um foco e algo que gostariam de fazer. Escrevam suas intenções profissionais em seus currículos, pois se alguém precisar de um Treinee, buscarão aqueles com vocação anunciada”, destaca.

Outro fator de grande importância é que o desconhecimento das condições do mercado leva as pessoas a não darem muita importância para os cursos de qualificação. Há relatos, pelos dirigentes do Sebrae e de cursos oferecidos em Fartura, que a evasão é muito grande. “Vão um dia e não aparecem mais. Persistência é importante para quem almeja sucesso na vida”, lamenta.

A Pasta da Indústria, Comércio e Emprego trabalha para mudar este quadro. “Sabemos que não é fácil e simples, mas estamos focados neste problema. Temos consciência que é de grande importância e, se solucionado, ainda que em parte, trará muitos benefícios à população de nossa cidade”, cita.

Instalação do Sebrae

O Sebrae é uma realidade e, dentro de mais alguns dias, o vice-prefeito garante que uma unidade estará instalada em Fartura. “Isto nos dará oportunidades de realizarmos vários cursos, de acordo com a demanda do mercado”, enfatiza.

PATE

O PATE recebe currículos com as especificações citadas e está instalado junto à sede da Coordenadoria de Indústria, Comércio e Emprego, à Rua Luiz Ribeiro Salgado, 20, Centro. O telefone e WhatsApp fixo para informações é o (14) 3382-2035.

Assessoria de Imprensa

Continua depois da Publicidade
Continua depois da Publicidade
Continua depois da Publicidade
Continua depois da Publicidade
Continua depois da Publicidade
Continua depois da Publicidade