Piloto de Floresta Urbana é desenvolvido em Timburi

0
187

Tendo em vista o grande problema das cidades que é a falta de arborização, a Floresta Urbana tem sido o diferencial para melhorar o aspecto urbanístico, valorizando caráter social, político, econômico e arquitetônico, e ainda, além de contribuir para a melhoria das condições urbanística, atende a diretiva Arborização Urbana, do Programa Município Verde Azul 2021.

Assim, com apoio da Prefeitura de Timburi, a Secretaria Municipal da Agricultura e Meio Ambiente e Secretaria da Agricultura estão desenvolvendo no município durante a semana, o Piloto de Floresta Urbana, localizado na Rua Lázaro da Silva Pinto, nº. 946 (próximo a Creche Escola Professora Silvana Naldi Cunha de Lima e o Posto de Saúde).

Representantes das secretarias e participantes do projeto desenvolvido em Timburi

O desenvolvimento está sob responsabilidade da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, a qual realiza os cuidados e manutenção do mesmo e, segundo ressaltou o coordenador da pasta, Andrey Rueda, a implantação deste Piloto de Floresta Urbana justifica-se através dos benefícios que a longo prazo o mesmo irá proporcionar ao meio ambiente e para a população.

Entre eles, Andrey destaca a manutenção da biodiversidade; diminuição dos efeitos da poluição química e sonora; conforto térmico gerado através da atenuação do calor exalado de concretos, asfaltos e áreas edificadas, tornando o clima mais refrigerado e agradável; benefícios à saúde humana, pois é fator inibidor de risco de danos à pele, aos olhos e ao sistema imunológico, derivados da exposição excessiva aos raios solares e à radiação ultravioleta.

O sucesso do piloto de floresta urbana está diretamente ligado ao comprometimento e à participação da população local, pois alguns fatores são necessários serem levado em conta antes que uma floresta urbana seja implantada, e são eles: o estabelecimento de canteiros e faixas permeáveis; escolha de mudas preferencialmente nativas que tenham porte médio e grande; a largura das calçadas; presença ou ausência de fiação aérea; localização da rede de esgoto; rebaixamento de guias; colocação de postes e sinalizações de trânsito, dentre outros que se fizerem necessário do momento do plantio.

Continua depois da Publicidade
Continua depois da Publicidade
Continua depois da Publicidade
Continua depois da Publicidade
Continua depois da Publicidade
Continua depois da Publicidade