Polícia é chamada para acabar com festa clandestina na zona rural

O órgão de saúde local realizou orientações em diversos estabelecimentos da cidade

A Polícia Militar recebeu denúncia anônima no último final de semana que relatava uma festa clandestina na zona rural do município de Cerqueira César. De imediato os policiais foram ao local e acionaram a Vigilância Sanitária do município para autuar o estabelecimento pela realização. O final de semana também foi marcado por ações de conscientização junto aos moradores de Cerqueira César.

Os fiscais da Vigilância Sanitária de Cerqueira César, Magda Montoro, Rafael Pavan e Eduardo Mantovani Junior juntamente com a secretária municipal da Saúde Marilda Rissatto Paulin, realizaram orientações a população sobre o uso de máscaras, bem como distribuíram máscaras as pessoas que transitavam pelas ruas sem as mesmas, foram realizadas também orientações e inspeções em vários estabelecimentos comerciais.

A secretária da saúde disse estar muito satisfeita com o comércio em geral, pois todos estão seguindo a todas orientações e medidas preventivas para o combate da covid-19.”Mas nem tudo são flores, nesta incansável luta contra a covid. Existem ainda algumas pessoas que estão descumprindo o isolamento social e infringindo as leis sanitárias”, desabafa a secretária de Saúde, Marilda Paulin.

Continua depois da Publicidade
A equipe de fiscais sanitários atuam no combate a pandemia

No entanto, infelizmente o mau exemplo persiste por parte de alguns cidadãos com a festa da sexta-feira (17). A Vigilância Sanitária recebeu um chamado através da Polícia Militar sobre a denúncia de festa clandestina em um estabelecimento comercial, localizado na zona rural do município. Segundo relatos da PM, ao chegarem no local havia aproximadamente 60 pessoas a PM então solicitou a presença da Vigilância Sanitária a qual imediatamente se dirigiu ao local.

A secretaria de Saúde fez distribuição de máscaras para populares

Ao chegar no estabelecimento o Fiscal Sanitário ainda constatou a presença de várias pessoas, pois com a chegada da PM a maioria evadiu-se do local. Com a constatação dos fatos o Fiscal Sanitário lavrou um Auto de Infração para o proprietário do estabelecimento por infringir os Decretos Estadual e Municipal. A Vigilância Sanitária de Cerqueira César, informa ainda, que está proibido no âmbito do município, qualquer tipo de evento que cause aglomerações.

Continua depois da Publicidade
Continua depois da Publicidade
Continua depois da Publicidade
Continua depois da Publicidade
Continua depois da Publicidade
Continua depois da Publicidade
Continua depois da Publicidade