Polícia Civil prende motorista que dirigia caminhão adulterado e com queixa de roubo

Um homem de 44 anos, morador de Botucatu, foi preso em flagrante no final da tarde de quarta-feira, dia 11/3, em Manduri. Ele dirigia um caminhão com queixa de roubo e adulteração em sinais identificadores do veículo.
A ação teve início no quilômetro 2 da Rodovia Antonio Rosseti, que liga o município à Águas de Santa Bárbara. Uma viatura da Polícia Civil passava pelo local e abordou o caminhão ao presenciar o motorista trafegando na contramão, em alta velocidade, e quase causar um acidente ao ultrapassar dois carros.
Segundo o boletim de ocorrência, o condutor estava sem os documentos de porte obrigatório do veículo. Também não apresentou a carteira nacional de habilitação. Em razão disso, foi conduzido até à Delegacia da cidade.
Ainda de acordo com a Polícia Civil, após vistoria no veículo, foram constatadas adulterações nos números do motor e do chassi, bem como no lacre da placa traseira. Também foi observado que havia queixa de roubo do caminhão pelo município de São Carlos do Ivaí, no estado do Paraná.
Diante dos crimes, o motorista foi autuado em flagrante por receptação, adulteração de sinal identificador de veículo e violação de suspensão do direito de dirigir. Posteriormente foi encaminhado para a Unidade de Transição de Presos de Piraju, mesma cidade onde passará, no fórum, por audiência de custódia. O caminhão foi apreendido. Um inquérito policial será instaurado para apurar o fato.
Credito Cristiano Martins

Continua depois da Publicidade
Continua depois da Publicidade