Fartura de luto pela morte de segurança baleado após tentativa de assalto

Marcão era conhecido e querido no município de Fartura
Publicidade

A morte do segurança Marco Aurélio Santos, de apenas 27 anos de idade, levou tristeza à população de Fartura durante a semana. Ele foi baleado por um assaltante na noite de sexta-feira (28) e a população estava confiante em sua recuperação. O tiro teria perfurado o tórax e o pulmão, no entanto, após cirurgia ele se recuperava na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Pronto Socorro de Fartura.

Publicidade
Publicidade

Após sofrer complicação em seu quadro clínico, Marcão, como era conhecido, foi transferido para a Santa Casa de Avaré, porém na manhã da quarta-feira (04) não resistiu e faleceu. A notícia abalou a comunidade que se manifestou via redes sociais, se solidarizando à família.

Marcão era casado com Tânia Regina Pires, grávida de 4 meses. Ela desabafou e falou que o bebê era o sonho do marido. Marcão trabalhava como segurança e, após impedir o assalto ao Auto Posto São Francisco, por volta das 23h40 da sexta-feira (28), perseguiu os assaltantes e acabou sendo baleado. Dois acusados foram presos pela Polícia.

Publicidade

O féretro de Marco Aurélio foi acompanhado por grande número de farturenses e, seu enterro aconteceu às 16h, da quinta-feira (05). A emoção tomou conta da despedida do segurança, que era conhecido e querido por todos.

Publicidade

O assalto – Segundo informações, a ação no Auto Posto São Francisco aconteceu quando os funcionários já estavam se preparando para encerrar o expediente. Um homem teria descido de uma Parati, cor prata, e anunciado o assalto, porém o segurança conseguiu intimidar o assaltante. O acusado acabou fugindo do Posto na Parati. Marcão tentou perseguir com o objetivo de prender os envolvidos, no entanto, um deles estava armado e disparou contra a moto do segurança, que acabou sendo atingido.

Publicidade
Publicidade
Publicidade