Nova suspeita de paciente com coronavirus assombra a região

A possibilidade de uma paciente de Itaí estar contaminada com o vírus Covid-19 gerou nova preocupação na região Sudoeste Paulista. O caso teria acontecido no domingo (1º) quando a paciente moradora de Itaí, buscou atendimento médico no Pronto Socorro de Avaré, com sintomas de gripe. Como a paciente confirmou que teria viajado para fora do país recentemente, brotou a suspeita da possível contaminação na equipe que a atendeu.

No entanto, uma nota enviada ao Jornal Sudoeste Paulista pela Imprensa da Prefeitura de Itaí na segunda-feira (02), colocou fim às possibilidades. De acordo com o documento assinado pelo secretário de Saúde, Luiz Gustavo Melo, a moradora de Itaí não esteve em um dos países que fazem parte da denominada “transmissão sustentada”, conforme lista da Organização Mundial de Saúde (OMS).

Luiz Gustavo informou ainda que o caso sequer foi notificado pelo Grupo de Vigilância Epidemiológica (GVE) e que a população pode ficar tranquila. “Aproveitamos para salientar que medidas preventivas devem ser tomadas como lavar as mãos, utilizar álcool 70% e em casos de sintomas de gripe, após viagens a países com doentes pelo coronavírus, o morador deve procurar uma unidade de saúde para prevenção”, enfatiza o secretário.

Semana passada outro caso também de atendimento no Pronto Socorro de Avaré, gerou preocupação em toda a região. Uma moradora, que esteve na Itália recentemente teria procurado atendimento, com inúmeros sintomas. Apesar de nota emitida pela Secretaria de Saúde de Avaré, a possível contaminação da moradora teria sido descartada, porém ela segue sendo monitorada.

Casos suspeitos no Brasil – Segundo dados divulgados pela Agência Brasil EBC, na segunda-feira (02), o Brasil tem, atualmente, 433 casos suspeitos de coronavírus. O número de casos confirmados continua sendo dois, ambos em São Paulo. Todas as regiões do país têm casos suspeitos, sendo São Paulo o estado com o maior número, com 163. Até o momento, são 162 casos descartados, sendo que a maioria tinha Influenza A e Influenza B. Em nota a Organização Mundial de Saúde (OMS) divulgou na segunda-feira (02), que 3.043 pessoas já morreram pelo coronavírus e são 88.948 casos confirmados de contaminação no mundo.

Continua depois da Publicidade
Continua depois da Publicidade
Continua depois da Publicidade
Continua depois da Publicidade
Continua depois da Publicidade
Continua depois da Publicidade